19

Out

Ter


19H00

DURAÇÃO


filme

Ver Preços

Teatro sobre Ciência: Teoria e Prática

Uma conversa com Emicida, Boaventura de Sousa Santos e Sara Araújo

a academia é desafiada pela leitura da história contada no documentário "AmarElo - É tudo para Ontem", em que Emicida, celebrando o rico legado da cultura afro-brasileira, mostra o grito da periferia deprimida. Depois do filme segue-se uma conversa entre Emicida, Boaventura de Sousa Santos e Sara Araújo

O documentário “AmarElo – É Tudo Pra Ontem” explora todo o processo de criação do projeto AmarElo, do músico e militante negro, Emicida. Criado em estúdio, AmarElo foi apresentado no Theatro Municipal, em São Paulo, 2019, numa abordagem da história da cultura negra no Brasil.

Desde 2011, o Centro de Estudos Sociais CES, no âmbito do Projeto Alice – Espelhos Estranhos, Lições Imprevistas, hoje transformado em Programa de Investigação em Epistemologias do Sul, tem vindo a promover atividades e eventos que nascem da vontade de combinar arte e ciência, transgredir as fronteiras entre saber académico e conhecimento nascido nas lutas sociais e reconhecer o papel das emoções na criação de saber transformador.
“Há palavras que nasceram para a porrada”, “Alice na cidade: Ciências Sociais, Rap e Mais”, “Rapensando as Ciências Sociais e a Política” foram encontros de ecologia de saberes, realizados em Coimbra, que juntaram rap, funk, kuduro, música cigana, histórias populares, poesia e conhecimento académico.
Neste quarto evento, a academia é desafiada pela leitura da história contada no documentário “AmarElo. É tudo para Ontem”, em que Emicida, celebrando o rico legado da cultura afro-brasileira, «mostra o grito da periferia deprimida». Após a visualização do filme segue-se uma conversa entre Emicida, Boaventura de Sousa Santos e Sara Araújo.

Data

19, Outubro 2021

Horário

19H00

Duração

filme: 1h30 + conversa pós filme

Faixa etária

todos os públicos

Preço

entrada gratuita limite de 2 bilhetes p/pessoa

Bilheteira TAGV 1 hora antes dos espetáculos e 30 minutos antes das sessões de cinema. Encerra 30 minutos após o seu início

Local auditório TAGV

documentário AmarElo – É Tudo Pra Ontem

de Fred Ouro Preto

com Emicida, Fernanda Montenegro, Pabllo Vittar

origem Brasil, 2020 (documentários sobre questões sociais e culturais)

organização Centro de Estudos Sociais, Teatro Académico de Gil Vicente, Laboratório Fantasma

conversa pós filme com Emicida, Boaventura de Sousa Santos, Sara Araújo

moderação Tatiana Moura, CES/Promundo