22

Jun,2016

Qua


21H30

DURAÇÃO


1h20

Ver Preços

Axilas

Por Simão Do Vale

A trama parece simples: duas criadas que conspiram, motivadas por uma miscelânea de ódio oculto e admiração declarada, contra a patroa

A trama parece simples: duas criadas que conspiram, motivadas por uma miscelânea de ódio oculto e admiração declarada, contra a patroa. Mas é na rede intrincada de emoções que a peça ganha especial interesse. Clara e Solange executam rituais faz-de-conta em que uma é a senhora e a outra a criada; estes servem para purgar ou, pelo menos, reorganizar um puzzle de motivações sociais (e, por consequência, emocionais), mas dificilmente conseguem conduzi-las ao desfecho desejado. A Senhora é um personagem em agonia, movido por uma atitude de auto-martirização (derivada ao facto de o marido estar preso injustamente), disposta aos maiores sacrifícios em prole do amor. A relação entre as três é marcada por uma dicotomia atroz para as duas irmãs: por um lado, a Senhora mostra uma aspereza displicente, como se fossem de outra espécie, por outro, diz que são como suas filhas e que terão direito à sua herança.

Data

22, Junho 2016

Horário

21H30

Duração

1h20

Faixa etária

M/12

Preço

€7
€5 < 25, Estudante, > 65, Grupo ≥ 10, Desempregado, Parcerias

Local Auditório

Versão original Jean Genet (1947)

Tradução Luísa Costa Gomes

Encenação Simão Do Vale

Interpretação Cristina Carvalhal, Joana Africano, Teresa Arcanjo

Assistência de Encenação Manuel Tur

Música e Sonoplastia Francisco Pessanha

Cenografia e Figurinos Bernardo Monteiro

Desenho de Luz Rui Simão

Desenho de Som Joel Azevedo

Produção Catarina Mesquita

Documentação Fotográfica Diana Lopes

Coprodução Teatro Nacional São João, Subcutâneo

Imagem ©TUNA_TNSJ

Clique ou faça scroll para ver o próximo evento.

Toque para ver o próximo evento.

Teatro

Clube de Leitura Teatral