Exposição

22

Out

Seg

Paisagens Neurológicas — Arte e Ciência

De Isabel Maria Dos

Instalação-Vídeo centrada nas edições anteriores

[PAISAGENS NEUROLÓGICAS – ARTE & CIÊNCIA] da autoria, coordenação e desenvolvimento de Isabel Maria Dos é o tema de um projeto transdisciplinar que se centra em Arte e Ciência destinado à participação e encontros de investigadores – artistas, cientistas e técnicos especialistas, abrindo-se ao público.
Este projeto, sem fins lucrativos, destaca-se quer a nível local, o que inclui, a academia de Coimbra, os concelhos de Coimbra e Condeixa-A-Nova, quer a nível nacional pela sua essência de conceito singular, gerador e promotor de Cultura, de criação do espaço de discussão informal, debate de ideias, de partilha de experiências estéticas e científicas e de transmissão do conhecimento emergente, promovendo a investigação, a formação (científica, pedagógica e artística) na exploração dos vários campos da Arte e da Ciência, que se pretendem articulados, interligados e discutidos nas Humanidades do Mundo Contemporâneo.
Nesta quinta edição, o evento integra um conjunto de comunicações e debates, o jantar Neurological Dinner com “acontecendos” artísticos no Museu P.O.R.O.S. e uma Instalação-Vídeo – centrada nas edições #01/2012, #02/2014, #03/2016, #04/2017 de [PAISAGENS NEUROLÓGICAS – ARTE & CIÊNCIA] disponível para visita entre os dias 22 e 29 de outubro na Sala Branca do TAGV.

 

Isabel Maria Dos é compositora intermedia, investigadora independente, com interesses de exploração em arte interativa com a participação do público gerador da obra final. É licenciada em Artes Plásticas – Pintura, pós-graduou-se no D.F.U.A. (Departamento de Física da Universidade de Aveiro), 1998 e é doutoranda em Estudos Artísticos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Dirige e desenvolve os projetos transdisciplinares de que é autora: [Paisagens Neurológicas – Arte e Ciência]; TRANS[acto] Transdisciplinary And Anti-Artistic Global Project, Portugal (Junho de 2015) e Brasil (Setembro de 2015). Últimos trabalhos apresentados publicamente: [ARTE DA PERFORMANCE, LINGUAGEM E DISPOSITIVOS SENSORIAIS PARA NEUROLOGICAL DINNER] (workshop), [PAISAGENS NEUROLÓGICAS – ARTE E CIÊNCIA], Museu PO.RO.S. Condeixa-a-Nova, 2016; [CÓDIGO(S) HUMANO(S)] (exposição) no Teatro Académico de Gil Vicente,  Coimbra, 2016; [4f 20 43 48 c1 20] (arte da performance), Casa da Escrita, Coimbra, 2016; [ISTO É (sobre o não engano)] (happenning, acção #01) em [NEUROLOGICAL, NEURAL AND NEUROTIC DINNER], Museu da Ciência-Cafetaria, Coimbra, 2016; [CASA-CORPO] (exposição coletiva de Arte e Ciência) com o dispositivo eletrónico de som/imagética, 2014/2017 Plastic World, Human Memory Game, Museu PO.RO.S, Condeixa-a-Nova, 2017; [SOMOS NÚMEROS: do teu smartphone para o palco] (e-performance), Teatro Académico de Gil Vicente, Coimbra, 2016; [INTERACTIVIDADE: A LINGUAGEM CODIFICADA COMO DISPOSITIVO DE PROCESSO] Exploratório – Centro Ciência Viva – Coimbra, 2016; [O PÃO NOSSO DE CADA DIA NOS DAI HOJE] (happenning – acção #01) em TEDX Coimbra, 2016; [O PERIGO DE UM CORPO COM EMOÇÃO] (comunicação), Museu PO.RO.S. Condeixa-a-Nova,  2017; [O PÃO NOSSO DE CADA DIA NOS DAI HOJE]  (happenning – acção #02) em TEDX Coimbra, 2017; [ISTO É (sobre o não engano)] (happenning, acção #02) em [NEUROLOGICAL, NEURAL AND NEUROTIC DINNER], Casa das Caldeiras-Bar, Coimbra, 2017.

José Crúzio licenciou-se em Artes Plásticas – Pintura e o Mestrado em Criação Artística Contemporânea pela Universidade de Aveiro. Trabalha como docente de Artes Visuais, programador cultural (CAOS-casa d’artes e ofícios) e como artista plástico.  Desde 1998 tem frequentado diversos workshops de fotografia, vídeo e videoarte; trabalhou como fotógrafo de cena em vários coletivos cénico-performativos. Participou, como artista plástico, nas Bienais Internacionais de Vila Nova de Cerveira, do Douro/Alijó e Porto Santo;  na Trienal Mundial de Chamaliéres (FR) e Miniprint de Cadaqués (ES) e em vários  eventos  tais como os Jardins Efémeros (Viseu). Atualmente, trabalha em obras e equipas de características multidisciplinares | intermédia. Projetos principais: A Casa; IM_Archives entre outros projetos a decorrer.

Data

22, Outubro 2018

29, Outubro

Horário

Duração

Faixa etária

para todos os públicos

Preço

seg a sáb 14h00 — 22h00

Entrada livre

Local Sala Branca TAGV

Curadoria de conteúdos Isabel Maria Dos e José Crúzio

Autoria, coordenação e desenvolvimento Isabel Maria Dos

Realização/edição vídeo José Crúzio

Parceria TAGV, Câmara Municipal de Condeixa-A-Nova, P O. R O. S. Museu Portugal Romano em Sicó, CNC – Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra

Abertura 22 de outubro — 18h00

Clique ou faça scroll para ver o próximo evento.

Clique para ver o próximo evento.

Cinema

Dois Homens em Manhattan