27

Jul

04

Sep

Seg

Ver Preços

Davide Carnevali

Nova criação de Jonas&Lander

O duo de coreógrafos Jonas&Lander está à procura de três bailarinos/as para a sua nova criação, Bate Fado, que será apresentada no Festival Abril Dança em Coimbra'21

Os coreógrafos Jonas&Lander lançam o desafio a bailarinos/as, tendo em vista a integração de três elementos no elenco da sua nova criação intitulada “Bate Fado”.

Perfil
— bailarinos/as com técnica de sapateado sólida, podendo esta estar ligada ao sapateado, americano, flamenco, fandango entre outros;
— ou bailarinos/as com forte sentido rítmico com capacidade de aprendizagem de diferentes técnicas de dança.

O trajeto dos/as bailarinos/as pode este estar ligado a danças tradicionais, contemporânea, urbanas, entre outras. A voz cantada é uma mais valia para o projeto, não sendo obrigatória esta competência.

Os interessados deverão apresentar 2 vídeos:
Um solo de dança desenhado para uma das guitarradas de fado (neste link) Este solo deverá ter o sapateado como fio condutor, podendo o ritmo ser ainda explorado com outras partes do corpo tais como mãos, palmas, estalidos, percussão corporal, objetos, entre outros. Deve ser dada especial atenção ao potencial coreográfico do rosto;
Interpretação vocal de uma música de raiz urbana, tradicional, como por exemplo fado, tango, rancheras, música cubana, música brasileira, música cabo-verdiana, folclore português, africano ou latino-americano, entre outros.

Os/as selecionados/as serão convidados/as a integrar um período de formação nos Estúdios Victor Cordon, em Lisboa. Durante este período de formação será selecionado o elenco de bailarinos/as da peça “Bate Fado”.

Os vídeos deverão ser colocados em Google drive própria e enviado link por e-mail, juntamente com nome, nota biográfica, contacto telefónico e e-mail para sinistra@jonaslander.com, com permissão de acesso através de link. O envio de vídeos em anexo de e-mail não será considerado.

Data limite para envio de vídeos 4 setembro
Data de notificação de resultados até 15 setembro
Período de formação/audição 21, 22, 23, 24, 25, 29, 30 setembro e 1 outubro

Período de criação 2020/ 2021
Teatro Académico de Gil Vicente, Coimbra 9 a 11 outubro 
O Espaço do Tempo 23 novembro a 5 dezembro
Estúdios Victor Cordon 14 a 18 dezembro
O Espaço do Tempo 5 a 12 janeiro
Cine-Teatro Curvo Semedo 3 a 6 fevereiro
Estúdios Victor Cordon 15 a 19 fevereiro
Cine-Teatro Curvo Semedo 24 a 27 fevereiro
Centro Cultural de Belém 2 a 4 março

Apresentações 2021
5 e 6 março Centro Cultural de Belém
10 abril Casa da Cultura de Ílhavo
17 abril Cine-Teatro Avenida, Castelo Branco
23 abril Teatro Académico de Gil Vicente, Coimbra (Festival Abril Dança em Coimbra)
maio Teatro Municipal do Porto

Data

27 - 04, Setembro 2020

Horário

Duração

Faixa etária

Preço

Casa de produção Associação Cultural Sinistra Coprodução Centro Cultural de Belém, Cine-Teatro Avenida, Teatro Académico de Gil Vicente, Teatro Municipal do Porto Apoio à criação Estúdios Victor Cordon/OPART Residência de coprodução O Espaço do Tempo